15 de out de 2013

Eighth Chapter.

 Capítulo dedicado a aniversariante do dia: Gabriela Queiroz

Sentamos la perto da churrasqueira e o Gil começou a ajeitar as coisas pra assar a carne.
Gustavo- Deu ruim pro Júnior.
Natalia- Gosta de fazer graça, tomou no rabo -rimos.
Gil- Culpa tua.
Natalia- Seu cu, não tenho culpa se sou linda, sensual, atraente...
Cris- E humilde, graças a Deus -rimos.
Carol- Vai ficar só com esses mané ai?
Jota- Meu bem aqui é a nata.
Natalia- Outro nível meu anjo -mandei beijos e nós rimos.
Júlia- Cadê a Bruna?
Guilherme- Se tu adivinhar te dou um beijo -rimos e ela ficou séria.
Júlia- To falando sério amor.
Guilherme- Brigando com o Júnior né, única coisa que ela faz.
Júlia- Linguarudo -virou as costas e entrou na piscina de novo.
Natalia- Mó chatinha ela, principalmente quando mexe com a Bruna.
Gustavo- Tão sincera que chego a choro -rimos.
Natalia- Tem que ser pô.
Gil- Duvido tu falar pra ela.
Natalia- Ela já sabe, somos parceira.
Victor- Se não fosse então -riram.
Natalia- Não chorem mas eu to subindo.
Cris- Vai se trancar já?
Natalia- Não viaja, vou trocar de roupa.
Gil- Ai sim -esfregou as mãos e nós rimos.
Natalia- Onde tão minhas coisas Rafa? 
Rafaela- Na segunda porta da direita, sobe la.
Natalia- Beleza -me levantei e fui entrando, passei pela sala e os dois ainda tavam discutindo, a Bruna me olhou de cara feia e eu dei um sorrisão pra ela, subi rindo e entrei no quarto que a Rafa tinha falado, procurei um biquíni na mala, vesti e coloquei o mesmo short que eu tava, procurei uma toalha la no guarda-roupa, peguei meu protetor solar e desci. Cheguei la de fora e fui pra perto das espreguiçadeiras, tirei meu short e os meninos começaram a açoviar.
Gil- Assim cê mata papai hein?
Gustavo- Ai se eu te pego novinha.
Natalia- Se orientem seus virgi -rimos e eu me deitei, comecei a passar protetor la- alguém se disponibiliza a me ajudar? -os meninos ficaram desesperados disputando quem ia me ajudar e eu ri- me ajuda aqui Tayná?
Gil- Ih, mó tirada essa mina, olha lá.
Natalia- Tem que comer muito arroz e feijão pra encostar nesse corpinho.
Guilherme- Entendi, tem que ser gordo igual a Tayná -rimos.
Tayná- Pura inveja porque vou encostar no "corpinho" da Nath -disse me imitando na parte do "corpinho" e nós rimos, ela me ajudou la e depois nós entramos na piscina.
Gil- Bora uma mina la no mercado comigo, tenho que comprar as coisas.
Natalia- Eu vou.
Carol- Hmmmmmm, quê isso hein?
Natalia- Não vou mais, vai você trouxa -riram.
Carol- To brincando fia -riu- vai la e traz leite pro Davi, te pago depois.
Natalia- Beleza -peguei minha toalha e me enxuguei, enrolei a mesma no cabelo e fui entrando com o Gil- só vou la em cima por uma blusa.
Gil- Precisa não, ta bom assim -deu uma mordida no lábio e eu ri.
Natalia- Abre teu oio japa -bati na testa dele.
Gil- Abre tuuu -sacudiu minha cabeça e nós rimos.
Natalia- Folgadinho tu né? Vai ficar de castigo nesse findi, não vai sair.
Gil- Vou memo, to sem dinheiro, me empresta cemzão ai -rimos.
Natalia- Tu sofre de problema mental cara -subi as escadas rindo e fui la no quarto, vesti uma blusa e desembaracei o cabelo correndo, guardei dinheiro no bolso da bermuda e desci.
Gil- Demorou de mais.
Natalia- Só que tu me ama tanto que ficou aqui me esperando né? To ligada -rimos e nós fomos pra garagem, ele destravou o carro e nós entramos- que carrão hein, quê isso?
Gil- Outro nível, como tu disse -rimos e fomos conversando até chegarmos em um mercado bem perto dali, compramos um monte de carne, energéticos, bebidas e eu peguei o leite do Davi e algumas besteiras pra gente comer, pagamos tudo, empacotamos e fomos pro carro. Voltamos pra casa la e antes de descer ele me chamou- olha aqui pra mim -segurou em meu rosto e tentou me beijar.
Natalia- Tu é peguete da minha amiga, nem vai rolar gatinho -pisquei e ri, desci do carro e peguei umas sacolas la, entrei e deixei em cima da mesa- vão la ajudar a pegar as compras seus folgados.
Guilherme- Porque tu não pegou?
Natalia- Eu já peguei querido, vai la ajudar e cala a boca -ele levantou e foi.
Júlia- Quem dera se me obedecesse assim -rimos e ficamos la de fora zoando, o Gil chegou e começou a assar a carne, sentei-me onde tinha sombra e peguei meu celular, vi que minha mãe tava oline e chamei ela.

Que foi agora Natalia?
Como o Wiz ta?
Dormindo, pra variar kkk
Cuida bem dele hein, se tu maltratar ele eu vou ficar sabendo
Vaza Natalia!!!!
Tbm te amo gata, bjss   

Ri e coloquei meu celular em cima da mesa- onde tão as bebida Gil?
Gil- Falaram la que é pra beber só mais tarde.
Natalia- Bebo água mineral então -riram e eu entrei, encontrando o Neymar la- que foi que tua namoradinha ta me olhando com cara de cu?
Júnior- Ta com ciumes de você -riu.
Natalia- Sentindo o chifre nascer pô -rimos e eu bebi um copo d'água- vou falar com ela.
Júnior- Fecha essa bocona sua ai.
Natalia- Calma meu bem, vou falar mas no momento certo -fui la no quarto buscar minha toalha e desci de novo, fiquei nadando com as minas até o almoço ficar pronto, almoçamos e como as meninas resolveram ir dormir, fiquei na sala de jogos com os meninos.
Cris- Tu é a mina mais de boa daqui hein.
Natalia- Eu sei, não precisa ficar puxando o saco -riram.
Cris- Tu é muito grossa.
Natalia- Mas sou linda -sorri mostrando os dentes e eles riram de novo.
Guilherme- O que a Bruna tava te falando Júnior?
Júnior- Ta morrendo de ciumes da Natalia -riram.
Guilherme- Mas com uma mina dessas, até eu teria ciumes.
Natalia- Sei que sou linda gente, parem porque sou tímida -rimos- ou vamos jogar outra coisa, isso daqui ta muito paia.
Gustavo- Bora esquentar pô, as bebida tão tudo guardada.
Gil- Verdade hein, as mina não vão beber mesmo.
Natalia- Tudo café com leite -riram- bora la -fomos pra cozinha e preparamos uns petiscos, ficamos nos embebedando a tarde toda e pela noite as meninas desceram pra fazer o jantar.
Carol- Natalia, vem aqui.
Natalia- O que tu quer mano?
Carol- Cara, cê ta tri louca -riu.
Natalia- To nada, to bem até -rimos.
Carol- Faz o quatro com a perna então -fiquei tentando dobrar a perna, o que nos rendeu boas risadas, até que eu me espatifei no chão- cara, você não ta em si.
Natalia- To em mim sim flor, relaxa -ela riu- vai ficar rindo e me deixar jogada aqui? Me ajuda logo porra -ela segurou em minhas mãos e me puxou- obrigada -dei uns tapinhas na bunda pra limpar e ela riu- cadê o Davi? Meu marido gato.
Carol- Deixa meu filho quieto, que tu não ta em condições de pegar ele.
Natalia- Mim deixa.
Tayná- Virou até índia agora -riram e eu apenas ignorei, me sentei no chão e fiquei brincando com o Davi.
Gil- Oh Nath, vem nadar.
Natalia- Opa, to indo.
Rafaela- Tudo cachaceiro esse povo.
Natalia- Deus me livre de toda inveja que me rodeia -rimos e eu fui pra área externa, só tirei o short e fiquei la sentada vendo os meninos tri loucos na piscina.
Júnior- Não vai entrar?
Natalia- Me mata de susto mesmo, filho da puta -ele gargalhou- acho que não hein, a água ta com cara de que ta muito gelada.
Júnior- Entra pra curar o efeito da cachaça -o encarei séria e ele riu muito.
Natalia- Te odeio muito, juro.
Júnior- Espera ai então -foi pra la e voltou com um copo cheio de não sei o quê- bebe ai -virei em um gole só e senti minha garganta queimar.
Natalia- Se seu plano era contra o meu fígado, meu bem, foi bem sucedido, parabéns pra você -ele não parava de rir um minuto e eu encarava-o com a expressão mais séria que consegui formular nesse momento.
Júnior- Vamo entrar vai -largou sua latinha de red bull na mesa e abaixou sua bermuda, ficando apenas de sunga.
Natalia- Vai você, ta colcado em mim agora é? Osh -ele não respondeu nada, só me pegou no colo e pulou comigo na piscina- se eu estivesse cinco copos menos bêbada iria reclamar, mas hoje é seu dia de sorte -ele riu e eu o acompanhei- da pra me soltar agora?
Júnior- Solto sem dar, mas se tu quiser, fica a vontade -gargalhou.
Natalia- Já te disse que você é podre hoje?
Júnior- Pelos meus cálculos umas duzentas vezes.
Natalia- Ah bom, que inteire 201: podre!
Júnior- Isso tudo é amor Natalia?
Natalia- Da sua parte? Acho que já ultrapassou -rimos
Jota- Que lindo casal gente, tira foto -riram.
Natalia- Tudo meu fã aqui gente -rimos- me solta antes que a Brunete aparece.
Júnior- To nem ai não, quero que ela veja mesmo.
Natalia- Ui, ozado -ele riu fraco.
Júnior- Meu lema meu bem -me roubou um selinho e só assim me soltou.
Natalia- Oh Gilzinho, aumenta o som la.
Gil- Tenho cara de seu empregado?
Natalia- Não, tem que tirar um pouquinho da barba -riram.
Gil- Só porque hoje to uma flor de pessoa -saiu da piscina.
Guilherme- Flor tu é todo dia -rimos e ele aumentou o som, voltou pra dentro da piscina e chegou a me afogar com a água.
Natalia- Pula pra fora que a piscina vai esvaziar gente -riram e ele me afundou- idiota, se eu morrer a culpa é tua.
Júnior- Eu te salvo princesa -falou no ritmo da música e me puxando, levando todo mundo a rir.
Bruna- Venham jantar -disse de cara feia e entrando.
Natalia- Acho que ela tem algum tipo de chip, quando tu encosta em mim ela aparece -rimos.
Júnior- To nem ai não.
Natalia- Que rebeldia é essa? Nescau do café tava vencido? -riram.
Júnior- To cansado e não quero mais, só isso.
Natalia- Voltou porque? -me puxou pra bem perto e sussurrou "porque você não me quis mais, lembra?"- ah, vai se lascar -soltei meu braço e saí da piscina, sequei-me na toalha e fui entrando.
Rafaela- Vem jantar Nath.
Natalia- To sem fome -fui pro quarto em que eu ia dormir e tomei um banho lavando o cabelo, vesti um short rasgadinho com uma regata cinza e desci, dei uma analisada na mesa e vi que o casal 20 não tava la- tão brigando de novo? -falei perto do ouvido do Guilherme e ele apenas assentiu- tão aonde? -ele apontou com a cabeça pro lado de fora e eu fui até a porta, me encostei na mesma e fiquei apenas olhando os dois. Queria poder ajudar, de certa forma, os dois. Afinal de contas eu ajudei-o a colocar um belo par de chifres na cabeça da Bruna e sei que o motivo de todas essas discussões, até então sem motivos, sou eu. Mas queria ajudar ele, porque a culpada de toda essa história também sou eu. Resolvi ir la soltar o verbo, to bêbada mesmo, amanhã eu nem vou lembrar de nada- vão ficar discutindo o final de semana todo mesmo?
Bruna- Não se mete Natalia.
Natalia- Me meto sim, porque eu to ligada que tu ta brigando com ele por minha causa.
Bruna- Mas aqui é briga de casal, que eu saiba você não faz parte do nosso relacionamento -minha vontade foi de meter a mão na cara dela, mas me contive e soltei apenas uma risada.
Natalia- Não vem bancar a grossa porque você não faz esse tipo! Deixa o moleque em paz cara, se ele não puder curtir as férias com os amigos pode morrer então.
Bruna- Deixa a gente sozinho -gritou e todo mundo saiu pra fora com cara de assustado.
Natalia- Quer fazer showzinho? Demorou então Bruna -cheguei perto dela e segurei forte em seu braço, fiz com que ela levantasse e olhei dentro dos olhos dela- eu não vim pra cá pra ficar aguentando desaforo seu e muito menos cara de bosta, não dei motivo algum pra você ficar me tratando assim e ficar enchendo o saco do Júnior como você ta fazendo. No dia em que você crescer mentalmente vai aprender a valorizar realmente que está do seu lado e vai abandonar esses seus ciúmes idiota que sufoca até quem ta de fora da relação.
Se você queria aparecer era só ter me falado, eu trazia uma melancia pra tu por na cabeça! Espero não ter mais problemas contigo esse final de semana, eu juro que só não te bato aqui e agora, porque a casa não é minha, mas por favor, não fica me testando -empurrei ela de volta na cadeira e limpei as mãos- e você vem comigo -levantei o Neymar e fui empurrando ele pra dentro, fechei a porta e eles ficaram la de fora com a Bruna que, como de praxe, estava fazendo seu draminha. Olhei pro Júnior e pude ver um sorriso se abrindo de um canto ao outro em seu rosto, mas não o tipo de sorriso cafajeste do garoto tentando parecer sexy ao me encarar, mas um sorriso sincero, quase maior que a cara dele.
Júnior- Caramba -ele disse baixinho- não é que você é mesmo demais? -ficamos nos encarando e ele me abraçou, afagou meus cabelos e rapidinho me soltou.
Natalia- Vou comer agora, antes que a senhorita drama entre e pense que temos alguma coisa.
Júnior- Mas nós temos "uma coisa" -gesticulou as aspas- mais forte e obstante do que o que tenho com ela, para que fique bem claro -ri.
Natalia- Você falando bonito? Deveria ter filmado -falei me sentando e começando a comer um macarrão delicioso que tinham feito.
Júnior- Você me inspira.
Natalia- Odeio romantismo.
Júnior- Eu sei, bem a sua cara mesmo.
Natalia- Ta me chamando de grossa?
Júnior- Faça bom uso da carapuça -saiu da cozinha rindo e eu continuei comendo.
Tayná- Até que pra quem tava sem fome, né? -disse entrando na cozinha rindo.
Natalia- Mereço um pouco.
Carol- Mano, tu acabou com a Bruna, ela ta chorando até agora.
Natalia- É tudo mentira cara, enquanto tiver gente passando a mãozinha na cabeça ela vai continuar se fazendo de vítima.
Tayná- Conheço ela pouco de mais pra julgar, mas concordo contigo hein.
Natalia- Mas ela sempre vai ter a Rafaela e a Júlia pra pagar madeira pra ela, desse jeito a frescura não para -riram.
Carol- Quero morrer tua amiga Natalia.
Natalia- Só falo as verdades pô -lavei meu prato e guardei.
Carol- Cadê o Júnior?
Natalia- Subiu la, acho que foi tomar banho.
Carol- Hm, vem cá que quero mandar um papo pra ti -foi indo pra sala.
Tayná- Vou também que amo babados -fomos atrás da Carol e sentamos no mesmo sofá.
Carol- Ta ligada que os meninos tão doidinho em tu né?
Natalia- Sou linda fi, impossível não estar -riram.
Carol- Então tu toma cuidado que cu de bêbado não tem dono -tentei ficar séria, mas acabei rindo.
Natalia- Me respeita Carol, num to tão bêbada assim não.
Carol- Foi só um toque, tu sabe que se der mole qualquer um ali pega.
Tayná- Inclusive o Júnior e o Guilherme.
Natalia- To de boa de cara comprometido, só traz problemas -ficamos la conversando até a Bruna e as guarda-costas dela passarem de cara fechada, dei de ombros e fingi que nem vi elas- vou ir la pra fora hein, beber mais um pouco.
Tayná- Quase nem ta bêbada né?
Natalia- Magina -riram e eu fui la pra fora.
Victor- Fala ai barraqueira.
Natalia- Barraqueira não que barraqueira é quem arma barraca -riram- eu só falo o que acho na cara das pessoas.
Cris- Com um pouco de agressividade, mas levando em conta que você não deve lembrar nem seu nome mais...estamos no lucro -rimos.
Guilherme- Sua sorte que ela ra bêbada -riram e iam começar a me zoar, mas eu os interrompi cantando.
Natalia- Ta tudo girando, ta tudo embaçado, mas não to beba não, to levemente alterada -rimos.
Gil- Vem cá Natalia -neguei com a cabeça- te amo.
Natalia- Não recomendo -ri e sentei perto dele, ficamos bebendo até bem tarde e quando resolvemos ir deitar eu não lembrava nem o que estava fazendo ali [...] Acordei no sábado com uma certa dificuldade, assumo, mas graças a Deus consegui me sentar na cama. Olhei pro lado e o Gustavo tava la, levantei a coberta e estávamos vestidos, menos mal pelo menos não rolou sexo, pensei e ri. Senti minha cabeça pulsar e coloquei a mão na mesma, seja bem-vinda ressaca! Levantei, fui até o banheiro e escovei os dentes, coloquei uma roupa suave, peguei meu iphone e olhei as horas, 15:45h, put's... Desci as escadas com um certo cuidado e os únicos que estavam na sala eram a Carol e o Davi.
Carol- Presumo que esteja com dor de cabeça, né? -deitei no sofá e assenti- vigia o Davi ai pra mim -ela foi pra cozinha e depois de uns dez minutos voltou com uma bandeja que continha um sanduíche, um copo de suco e um remédio, suponho que para dor de cabeça.
Natalia- To começando a amar esse seu instinto materno -ri fraco e ela me acompanhou, comi tudo la e tomei o remédio com o suco mesmo, quando terminei o Gil sentou do meu lado.
Gil- Teve tratamento vip também? -assenti e ele riu- Carolzinha é mãezona mesmo -me abraçou de lado e beijou minha cabeça- sonhei contigo.
Natalia- Sério? Como foi?
Gil- Não lembro -riu.
Natalia- Mas como sabe que é comigo?
Gil- É que eu acordei de pau duro -gargalhou e eu dei um tapa em sua barriga.
Natalia- Verme!
Carol- Deixa a gente sair que o papo ta pesado -rimos e ela saiu com o Davi pra la.
Natalia- Sabe o que eu fiz ontem?
Gil- Olha, boatos de que beijou o Gustavo -riu.
Natalia- Só faço merda quando to bêbada.
Gil- Nossaaaaaaa, essa eu vou ter que contar pra ele -rimos.
Natalia- Para de graça, que tu me entendeu.
Gil- Lembra do que falou pra Bruna?
Natalia- Só algumas coisas, mas não tem problema, ela vai ficar de cara feia do mesmo jeito.
Gil- Verdade -riu.
Natalia- Vaza pra eu deitar.
Gil- Sim senhora -sentou no outro sofá de frente pra mim e a gente ficou se entreolhando um tempão, fiquei olhando pro nada e peguei no sono ali mesmo, acordei com alguém me cutucando e quando olhei era o Gustavo, senti meu rosto queimar de vergonha e me sentei, ele entendeu o recado e sentou do meu lado.
Gustavo- Não quero que fique com vergonha de mim, a gente tava bêbado e nem eu sei como aconteceu -riu e eu ri fraco- confesso que não lembro de nada também, mas não seria nada mal a gente dar uns rolês juntos.
Natalia- Isso foi um convite?
Gustavo- É...acho que sim -deu um sorriso de lado.
Natalia- Sem segundas intenções?-ele assentiu- de boa então.
Gustavo- Amanhã, pode ser? -assenti- demorou -sorriu e se levantou, indo pra não sei aonde rs peguei meu celular e desbloqueei, tinha uma notificação do instagram e quando abri o vi que o Gil tinha postado uma foto minha.
@gilcebola: Bebe de mais, olha como fica @nahandrade kkkkkkk    
[@]guipitta_: Louca, louquinha! Kkkkkkkk
[@]hugsnjr: Mas que linda   
[@]meuapegonatalia: Olha esse biquinho
[@]candantas: Levemente alterada kkkkkk  
[@]eleveneymarjr: Gostei disso nao  
[@]guipitta_: Pena que ninguem perguntou @eleveneymarjr    
[@]njunior11: Mentira, que essa dai quase nao bebe! Hahaha
[@]pqpnjr: Neymar e Natalia no mesmo lugar   
[@]neymaruai: Shippo Gil e Natalia rs
[@]nahandrade: Te mato seu filho da puta @gilcebola   

Bloqueei a tela do celular e fui pra área externa, fiquei encarando o Gil de braços cruzados e batendo o pé no chão e todo mundo riu.
Gil- Cê até ficou bonitinha na foto, nem ficou tão zoada.
Natalia- Vou começar a cobrar pra tirar foto de mim.
Jota- Quem vê até pensa que é tão importante.
Natalia- Fica shiu ai Jotinha -me sentei e nós ouvimos a campainha tocar, o Júnior foi la atender e logo voltou acompanhado de uns carinhas la que foram logo tocar pagode. Depois da discussão que tive ontem com a Bruna ficaram dois grupinhos divididos e, sinto informa-lhes que o meu é maior, porque do outro lado ficaram só ela, com a Rafa, a Júlia e o coitado do Júnior e o resto do povo ficou todinho conversando comigo. Como ontem eu não fiz nada, ajudei a Carol e a Tayná a fazerem o almoço e, depois de comermos, fiquei curtindo a tarde com o Davizinho.

Olá meninas, como havia prometido que postaria essa semana, ai está! (Pra falar a verdade postei hoje só porque prometi pra minha xarazinha que ia dar um capítulo no blog de "presente" pra ela e não podia deixá-la desapontada, né?! Né! Então sejam gratas a dona Gabi rs)
Eu não coloquei a "desculpa" do Júnior porque já tinha meio que programado esse capítulo, mas pra não deixar vocês na vontade coloquei essa pequena briga entre a Bruna e a Nath. Talvez poste ainda essa semana, mas não é certeza. Beijos e até a próxima!


20 comentários:

  1. Que honra, meu Deus, que moral. Obrigada xará, presente maravilhoso!!! Obrigada mesmo <33
    Mas o que é a Natalia ''índia bêbada arrasa corações''? (acabei de criar esse ''adjetivo'', olha só u_u) chorei de tanto rir. Azaração, pegação, barraco... que vidaaaaa!! LÇJHFSLDKGJGSPKJ
    Maravilhosooooo, preciso de mais, tipo, pra ontem!! :*

    ResponderExcluir
  2. cap maravilhoso, que isso meninaaaaaaa, haha top demais amei

    ResponderExcluir
  3. Pqp Nath bebada é foda kkkkkkkkk ... Amor aumenta mais um pouquinho a letra é pq tem gente assim como eu qe ler pelo celular ai fica peqeno ... Maaaaaaaiiiix

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  4. My Goddddddddddddddd, sério, Natalia é louca dmssssss .. E ao invez de dar moral p Gil q tá babando por ela, vai sair com o Gu, só por Deus mermo, haha .. Continuaaaaaaa .. @Sarah_Valiati

    ResponderExcluir
  5. Natalia tri louca mesmo, adorei o que ela falou pra Bruna

    ResponderExcluir
  6. caaaaaaaaaaaaaaara perfeitaço

    ResponderExcluir
  7. top , sem mais.

    ResponderExcluir
  8. Top sem mas, continua por favor heheheh bjos :* /razaoenejota

    ResponderExcluir
  9. Amei o capitulo !!! Bem ousada e cheias de atitudes a Natália. Continua logo ;) @NeymaravilhaJr

    ResponderExcluir
  10. topppp cada vez eu quero maixx
    indicar : http://eopresentequeavidamimdeu.blogspot.com.br/ obrigado

    ResponderExcluir
  11. cada vez eu quero maixx
    indicar : http://eopresentequeavidamimdeu.blogspot.com.br/ obrigado

    ResponderExcluir
  12. tá tudo muito perfeito, amei essa briguinha da Nath e da Bruna, continua logo, ansiosa pro próximo / @BruMorari

    ResponderExcluir
  13. Contiinua . Nath Bebada é tooop , coiitado do Gil fazendo esforço pra pegar a Nath ai ela pega o GU kkkk +++++ Ansiosaa pro proximo cap , posta logooo @ousadadoney

    ResponderExcluir
  14. Top!!! A cada vez me apaixono mais pelos seus escritos e sua fanfic <3 Espero que continue logo e foi uma honra estar incluída ali nos comentários hahahahahahaha Continua logo, por favor.

    ResponderExcluir
  15. Continua logo , Nsuper identifiquei com a Nath hahaha ! Amo esse blog , serio !
    Se puder indica ?? Desde ja agradeço beijos
    weremadeforoneanother.blogspot.com
    masvagabundotambemama.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. mano, casquei de rir com a nati bebada kkkk MIM DEIXA! pqp kkkkkk muito top.. barraco de leve, amei claro.. mas como ja tinha dito, tira a Carol dai! e continua logo q eu q mando bjs fro

    ResponderExcluir
  17. Manooooo que blog maneiro . Vê se continua logo , eu acompanho sempre . Mais nunca comento rs .
    Divulga pra mim : http://soporquesoumaloqueira.blogspot.com.br/2013/10/introduction.html

    ResponderExcluir